Wave Lojas Virtuais - Especializada em Plataformas E-commerce - 9 tipos de marketplace para escolher

9 tipos de marketplace para escolher
9 tipos de marketplace para escolher 10/1/2022


Sabemos que o marketplace funciona como um grande shopping center, onde várias empresas ou pessoas mostram seus produtos, ou serviços.

Mas serviços também podem estar no marketplace?

Sim e veremos neste post que você usa e conhece vários deles.

No entanto, o intuito aqui é mostrar que além de ter algumas categorias de marketplace a escolha de quem quer entrar neste mercado, há também outra escolha que quem deseja empreender neste ramo precisa fazer: trabalharei com nicho ou com vários segmentos?

Se você não sabe em qual tipo ou segmento ir, a intenção deste texto é te ajudar a esclarecer e até ter mais ideias para conseguir ter o sucesso que deseja com seu marketplace.


3 categorias de venda no marketplace


Primeiramente vamos às divisões de compra e venda que um marketplace pode ter, que são em B2B, B2C E C2C

B2B

As negociações são feitas entre empresas e no caso de produtos, quase exclusivamente por atacado.

Empresas que fazem este tipo de negócio são indústrias para distribuidores, construtoras, empresas de agronegócio e tantas outras categorias entre pessoas jurídicas.

Para serviços há espaço também como aluguel de maquinários de uma empresa para um agricultor ou construtora.

Mas continue a leitura que vamos explicar ainda como funciona o aluguel em marketplace.

B2C

Este é o tipo de negociação mais comum que todos conhecemos bem.

São as vendas feitas de empresas para consumidores finais.

São exemplos de marketplace nesta categoria o Amazon e a Magalu.

Além de outros que funcionam focados em nichos como Airbnb e Dafiti.

Aguarde que já falaremos também de nicho também neste post!

C2C

São vendas de pessoas físicas para pessoas físicas.

Nesta categoria temos, por exemplo, os marketplaces como Enjoei e Webmotors.

Estes marketplaces têm o atrativo de ter sellers pessoas físicas para consumidores finais.

Claro que podemos achar empresas, como no caso da Webmotors que atua com o nicho de veículos automotores, mas o foco do negócio são vendas pessoas com CPF.


Então, quando você pensar em ter o seu próprio marketplace, pense qual a forma de vendas que ele terá de apoio, contudo, não estamos dizendo para escolher somente um, já que temos marketplaces que chamamos de híbridos: eles vendem tanto para pessoas jurídicas, quanto físicas.

Temos, por exemplo, a Amazon que já tem a categoria Business, a Americanas, que agora tem a Americanas Empresas e outras como OLX e o Mercado Livre, que atuam como B2B, B2C e C2C.


2 tipos de negócios no marketplace

As vendas em marketplaces podem ser de produtos ou serviços, como já indicamos.

As vendas de produtos inclusive são a maioria, até porque existem grandes marketplaces nesta categoria, como os citados Americanas, Magalu e Mercado Livre e outros com muita relevância neste mercado como as Casas Bahia e Netshoes.

Já os serviços podem ser divididos em 4 categorias.

Serviços por transação

Aqueles que conectam os prestadores de serviço a quem precisa dele, no momento. Os grandes exemplos desta categoria são apps como o Uber e 99.

Neste tipo de marketplace há pagamento de comissão a plataforma somente se há prestação de serviço que é pago logo após a finalização e pagamento do valor pelo cliente.

Não há pagamentos de mensalidades ou mesmo pelo cliente.

Outra vantagem é que não há fidelização pelo cliente para com o prestador, mas sim com o marketplace.

Serviços por negociação ou orçamento 

São plataformas com cadastros de prestadores de serviços como portfólio, que estão em busca de clientes.

Um site, por exemplo, é o Workana, onde profissionais de várias categorias têm cadastro para contatar clientes que colocam um projeto no site e a partir de uma negociação, o cliente escolhe o melhor profissional para sua demanda.

Estas plataformas cobram uma mensalidade para o profissional contatar os clientes ou cobrar por contato de leads.

Estes marketplaces também cobram comissão, caso a política deles seja fechar um pagamento único pelo serviço.

Serviços de aluguel

Anteriormente falamos que aluguel de maquinários era uma forma de transação que um marketplace pode ter na negociação de empresa para empresa.

No entanto, já lembramos o Airbnb como marketplace de nicho - atua como aluguéis de espaços para moradia temporária.

A ideia deste tipo de marketplace é atuar principalmente com a Economia Compartilhada.

Quem contrata adquire um bem que não pode ser comprado por um espaço de tempo.

Por isso, o pagamento para o marketplace pode ser por comissão sobre o valor definido pelo locador ou mensalidade.

Serviços de agendamento

Este modelo de marketplace é um bom exemplo de nicho, pois o intuito da plataforma é levar o cliente a agendar um horário com profissionais liberais como médicos, psicólogos e professores. 

Os exemplos desta categoria são o Doctoralia e o Superprof.

Os produtos

Estava pensando que não falaríamos dos marketplaces de produtos?

Eles são divididos em duas categorias:

  • Produtos físicos: as vendas podem ser de diversos segmentos como os grandes marketplaces citados acima, que vendem desde roupa infantil a papelaria e passando por eletrodomésticos, eletrônicos, games e muitas outras categorias ou por nicho específico.

  • Anúncios: fazem somente a divulgação dos produtos daquele que paga uma comissão ao site para que o consumidor veja o que você vende, ou seja, o marketplace funciona como uma vitrine do seu negócio. Ou seja, nestes sites como o Buscapé e Google Shopping não venda e sim direciona para seu endereço virtual.

Marketplace de nicho


Já falamos anteriormente que muitos marketplaces que conhecemos e utilizamos são de nicho:

  • Airbnb é para aluguéis de espaços por um tempo determinado;

  • A Dafiti é para roupas e acessórios;

  • A Webmotors é focada em vendas veículos automotores;

Em contrapartida, há um bom exemplo de marketplace que era de nicho e virou um marketplace de variedades, a Amazon.

Eles começaram com vendas de livros e depois foram expandindo para outras categorias, como é atualmente.

E qual a maior diferença entre o marketplace de nicho e o segmentado?

Não tem somente uma diferença, mas algumas.

No marketplace segmentado, a chance de encontrar mais clientes pode ser uma vantagem deste tipo de venda, no entanto, por nicho é possível ter clientes mais qualificados.

De antemão, demos exemplos de várias plataformas que atuam com nicho específico.

Quando estamos procurando um produto em particular o marketplace de nicho é a melhor escolha para compra, como no caso de querer um carro ou das esperadas férias.

O crescimento deste modelo de negócio foi de 52% entre 2019 e 2020 segundo a Ebit| Nielsen.

O custo é menor para colocar em prática e o lucro é garantido, pois muitos julgam que isso não acontece, já que atuar com nicho passa a impressão de que não é vantajoso, por ser específico.

No entanto, a fidelização de clientes e as estratégias de marketing são mais simples de efetivar e ainda tem a vantagem de negociação com os sellers, já que todos vendem o mesmo tipo de produto.

Portanto, caso você, empreendedor, esteja pensando por onde começar, pense nos tópicos deste artigo.

Nossa intenção é deixar mais claro a sua decisão de investir em um marketplace.


Caso esteja com dúvidas, entre em contato conosco: a Wave Lojas Virtuais é especialista em e-commerce.


O conteúdo desse post foi baseado na Maratona Marketplace, um evento de três dias que ocorreu em Outubro de 2021.

Para saber mais e baixar o E-BOOK EXCLUSIVO SOBRE MARKETPLACES, clique aqui. 







Não há comentários para este post, seja o primeiro!
Nome
E-mail
Seu e-mail não será exibido.
Comentário
© Copyright 2022 | Wave Lojas Virtuais - Especializada em Plataformas E-commerce - Todos os direitos reservados
Ei, posso ajudar?
Política de Cookies
Para melhorar a sua experiência, oferecer e melhorar os nossos serviços visando uma maior segurança durante a navegação, usabilidade e interatividade, nosso site utiliza cookies essenciais para permitir a adequada navegação no site. Antes de continuar navegando, importante você saber mais sobre a utilização de Cookies em nossa Política de Privacidade Concordar e continuar